os teoritos e os buracos-de-verme

Os miúdos conversam à mesa, o mais novo procurando impressionar o mais velho com o seu conhecimento sobre os planetas, os ‘teoritos’, os buracos negros. O mais velho assume o seu ar sério, meio indiferente, mas vai esclarecendo, ensinando, observando como o pequeno fica embasbacado e ri ao saber que afinal aqueles buracos a que se referia se chamam buracos-de-verme.

Os meus filhos têm uma diferença de treze anos e muitos palmos de altura. São também diferentes na forma de estar, na personalidade, na maneira de vibrar com o mundo. Mas é lindo assistir à construção de pontes de conhecimento nas quais os pais não tivemos intervenção; são estas pontes que perdurarão além da nossa existência.

Por isso assisto, em absoluto silêncio, torno-me quase invisível. Não quero por um segundo que seja, interferir numa das ligações mais importantes das relações humanas. Estes são momentos do mais puro Contacto.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s