infinito

ee7826aa05d63b3bae5ef7e3b5a704f5

A mulher conta os dias pelos dedos.

Tem idade suficiente para saber que cada dia pode ser uma aventura, que vinte e quatro horas podem mudar muita coisa, os caminhos da vida definem-se nessa relatividade do tempo que medimos em minutos e segundos mas que esquecemos tantas vezes de aproveitar. Passamos pelo espaço do tempo sem lhe dar valor, por vezes não aprendemos que desejar a passagem dos dias ou tomá-los como garantidos é virtude de adolescente, não de ser maduro, consciente de que cada dia talvez seja uma recompensa mas que para isso, para ser recompensa e não sorte-de-lotaria, é preciso tomá-lo entre as mãos.

Faltam oito dias para completar cinquenta anos. Ela gosta do oito, é um número redondo que transporta a forma do infinito. Contudo, infinita não é a vida e meio século é razão suficiente e necessária para lhe depositar todas as forças, ligar a ignição e iniciar vôos com que sempre se sonhou. Se não agora, quando? Não há mais tempo a perder.

Anúncios

2 thoughts on “infinito

  1. Com a idade vem a sabedoria, a calma e ao mesmo tempo o desejo de viver cada vez mais de forma intensa. Diz-se por brincadeira que são 18 + 32, e acho que é muito assim. Serás cada vez mais tu, avaliamos e apreciamos cada vez mais as pequenas coisas que a vida nos traz. Tudo faz sentido e por vezes nada faz sentido e quando não faz também já não nos importamos muito com isso. Vivam os 50, viva a vida! 🙂

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s