ainda falta

Uma semana para o Natal.

Meu Deus como este ano passou depressa. Dava para escrever um livro com todos os ingredientes, as sensações em gradientes variados, as cores alternando do claro para o escuro, do mais frio para o mais quente. Talvez por isso, nesta altura em que se faz o balanço inevitável, há momentos em que apetece sorrir e outros em que a vontade é menor e grande a nostalgia. Faz parte, dizem.

Uma semana para o Natal.

Quer dizer muito pouco tempo para um novo ano que talvez passe ainda mais depressa do que este, sem que saibamos o que nos traz. É o bocadinho de dor de barriga com a recusa absoluta de antecipar ou prever.

Uma semana para o Natal.

E o que ainda falta por fazer, dizer, abraçar e beijar.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s