esponja

A mulher é uma esponja de experiências; ou de histórias, como diz outra que admira. Gosta de roubar pedaços da vida e construir ficções. Nem que seja na sua cabeça.

Certa noite, escutou um encontro de três crianças com uma senhora de muita idade à qual faltava um dos dedos de uma mão. Desse momento real nasceu uma curta metragem de quase terror sobre um rapaz que se encontra com três irmãs cujos indicadores foram cortados.

No fim de semana que passou alguém contou das drogas leves traficadas por uma manicure brasileira, agora adormecidas num frasco de especiarias. As duas frases colaram-se à pele do cérebro: uma história começa a fermentar e não tarda levantará fervura.

A cabeça da mulher é um mundo inteiro destes pedaços. Graças a Deus ela não vive ali em permanência.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s