parcelas pequeninas

Os dias em que se descobre uma ideia que alguém teve e que faz tremer cada poro, cada centímetro de pele, pela beleza da ideia, pela simplicidade da execução.

Os dias em que uma música entra como um sussurro e se torna tão pungente, tão forte, tão inexplicável, que os dedos correm para a encontrar.

Os dias em que uma frase gentil nos é dita sem que tenhamos feito nada para isso e que, por isso, faz nascer um ligeiro rubor, um nó na garganta.

Os dias em que olhos brilhantes se encontram com os nossos sem necessidade de dizer mais nada.

Esses dias.

São raros mas não tão raros assim.

Abram os olhos, por favor.

Perder estes dias significa perder parcelas pequeninas, absolutamente mágicas, da vida.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s