a obra do irresponsável

É já amanhã (espero eu) o meu dia de libertação. Faço o exame final e, a partir daí, a vida suaviza-se. Uma linha a menos na habitual lista de tarefas, noção idiota de dever cumprido, menina-bem-comportada-e-consciente que me acompanha desde sempre. Uma Licenciatura iniciada há mais de vinte anos, completa-se agora. Vontade de ter canudo? Nada disso; sentido prático absoluto e vontade de poder (um dia) aprofundar outros temas com maior prazer (sim, eu gosto de estudar). Graças a Deus com a idade adulta tenho aprendido a assumir o meu lado mais irresponsável. Uma verdadeira obra.
Anúncios

2 thoughts on “a obra do irresponsável

  1. Êsse teu desejo de absorver(e não emalar) conhecimentos, põe-me em sentido, é um exemplo que tens arte de transmitir aos teus filhos. E acredita, para os teus pais tem sido uma senhora lição.Um beijo.

  2. Foram os meu pais quem me deu este presente, meu querido pai. Foram vocês, cada um no seu jeito, que nos transmitiram este prazer em saber.A grande lição e herança é tão somente vossa…Um beijo grande da tuafilhacaçula

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s