pequenas coisas de felicidade

Entre risos e gracejos, as mulheres montaram uma mesa, rearrumaram o espaço, deitaram fora papéis, libertaram prateleiras, acordaram objectos adormecidos deitando fora a rotina de alguns anos. Quando acabaram, o espaço, apesar de mais cheio tinha agora o jeito das duas. Uma sala pequena onde cabia trabalho com prazer, boa disposição, discussões boas, total ausência das coisas de mulher que ambas detestavam, como a inveja, o ciúme ou a coscuvilhice maldosa e desnecessária. Aquela sala era tudo o que precisavam para que os dias da semana ficassem mais ricos, sem conversas de milhares e com muitas partilhas de tostões. 
Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s