na cabeça

A dor de cabeça era gigante, daquelas que entram pelo nariz e se sentem na boca, das que não permitem uma palavra sequer, um milímetro de gesto ou movimento.

A mulher sonhou que era uma tartaruga cuja cabeça entrava vagarosamente na casca limpa e fresca onde só havia lugar para um.
Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s