missão







Tenho um filho que toca saxofone e lê pautas de música no carro mexendo os dedos concentrado, ensaiando a solo e em silêncio, como se mexesse os olhos ao ler um livro feito de palavras. Parece simples, mas não é; e é lindo de se ver.
Ainda mais quando a paixão dele por aquele instrumento em concreto nos venceu (antes disso, tinha passado pela guitarra e pela flauta).
É caso para dizer, como diz o pai dele: ‘Considero a minha missão cumprida’.
Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s