finalmente vieste

Bateu à porta do céu e disse
‘Não venho para ficar, é só uma visita de reclamação.’
O anjo, com ar inteligente, abanou a cabeça como se soubesse muito antes de ela chegar.
‘Venho reclamar energia e perguntar por que razão ma retiram todos os meses como se precisassem mais dela do que eu.’
O anjo sorriu e disse apenas
‘Não é para nem por mais ninguém. É só para tomares consciência do quanto a necessitas. Por isso te obrigamos a parar, mês a mês, há já alguns anos. Todos os dias da falta esperei que me batesses à porta. Finalmente, vieste, e ainda bem. É bom sinal.’
Regressou ao escritório e assumiu o arrastar dos minutos fazendo apenas o que lhe apetecia como um direito. Hoje, sim, tinha aprendido alguma coisa sobre si mesma.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s